Atualize-se! Insira seu e-mail e receba gratuitamente nossas atualizações sobre BI e Marketing Digital.

 Fique tranquilo, você está 100% seguro.

Machine Learning

O que é Machine Learning?

Antes de explicarmos o que é machine learning vamos elucidar o que é Inteligência Artificial, uma vez que Machine Learning é uma forma de AI.

Inteligência artificial é um ramo da ciência computacional que propõe criar softwares ou dispositivos que simula o raciocínio humano, ou seja, entender o ambiente, tomar decisões e resolver problemas.

Continuar lendo

Continuar lendo

05 Plugins para digital analytics

05 Plugins para Digital Analytics

Para um analista de BI é muito importante ter plugins que ajudem no dia-a-dia de trabalho, seja para uma validação de tags ou para saber quais ferramentas estão inseridas em um site. Este post tem a finalidade de apresentar 05 plugins para Google Chrome que irão agilizar o di-a-dia de trabalho.
Continuar lendo

Continuar lendo


O que é Big Data?

O que é Big Data?

Muito tem se falado sobre Big Data nos últimos anos, mas realmente o que é Big Data e como podemos utilizar esta realidade para otimizar o negócio e aumentar os ganhos?

O termo big data é muito utilizado em palestras de maneiras diferentes, deixando o conceito um pouco nebuloso para as pessoas. Continuar lendo

Continuar lendo

O que é Growth Hacking?

O que é Growth Hacking ? Técnicas, métricas e criatividade.

O termo Growth Hacking ganhou maior notoriedade surfando a onda que popularizou a utilização da palavra startup, modelo de negócio que visa a criação de um negócio rapidamente escalável, atuando de forma nova no mercado. Exemplos de startups que deram certo: AirBnB, Uber, Peixe Urbano.

Em 2010, Sean Ellis, conhecido por ter sido o primeiro funcionário da área de marketing do Dropbox usou o termo Growth Hacker para descrever um
Continuar lendo

Continuar lendo

O que é API?

O que é API? Para que serve?

Com o desenvolvimento de softwares o anseio para a troca de dados entre plataformas a API se tornou latente, surgindo a necessidade de criação de rotinas e padrões de programação para que essas informações transitassem.

A sigla derivado do termo em inglês Application Programming Interface, foi o nome dado a essas rotinas. Então, quando queremos compartilhar informações entre plataformas construímos uma API para que programadores consigam trazer essas informações de uma interface para outra interface.
Continuar lendo

Continuar lendo

Configurando picos de tráfego no Adobe Analytics

Adobe Analytics: Configurando picos de tráfego

Todos aqueles que já passaram pela transição do Google Analytics para o Adobe Analytics sabem que esse último apresenta uma série de particularidades e diferenças conceituais muito importantes. Desde a configuração da plataforma, passando pela definição de variáveis nas tags, até a extração de dados, existem várias situações que geram dúvidas e podem impactar no bom resultado das análises.
Continuar lendo

Continuar lendo

5-pontos-importantes-sobre-adobo-analytics

Adobe Analytics: 5 pontos importantes para entender!

Usar a internet para fazer negócios e para se comunicar já faz parte do dia-a-dia, assim como mensurar resultados no ambiente digital. E é nessa seara que o Adobe Analytics se consolida. Concorrente direto do Google Analytics e de outras soluções de web analytics a ferramenta anteriormente nomeada Omniture SiteCatalyst é um dos grandes players do mercado e é comumente usado por grandes corporações. Continuar lendo

Continuar lendo

A2BI_SEO_cabecalho-suite-360_VF_20160525

O que é o Google Analytics Suite 360?

A mais nova suíte de ferramentas de manuseio de dados do mercado vem do Google e se chama Google Analytics Suite 360. É robusta e promete englobar toda a atmosfera que circunda seu negócio digital.

A suíte monitora o comportamento de navegação de cada usuário de maneira detalhada, até mesmo individualmente, recolhendo dados que podem ser, posteriormente, utilizados para direcionar anúncios que supram seus interesses.

Continuar lendo

Continuar lendo

DSP

DSP (Demand Side Plataform), o que é e para que serve?

 

Demand Side Plataforms – DSP são plataformas para gerenciamento de campanhas online. São parecidas com o Google AdWords, no entanto, como não se limitam à esfera de atuação do Google, podem oferecer perspectivas maiores para o departamento de marketing.

É até interessante fazer essa comparação, afinal, o AdWords tem um nome popular e pode nos servir de referência para explicar o que é DSP. Seu grande diferencial está na possibilidade de seus anunciantes terem acesso a diversos espaços publicitários que a ferramenta armazena, isso tudo, através de transações sob o modelo Real-Time Bidding (RTB).

Continuar lendo

Continuar lendo