O que é o Search Console?

qui 08 de abr de 2021

O Google oferece diversos tipos de ferramentas para ajudar no acompanhamento de sites e conteúdo. Uma dessas ferramentas é o Google Search Console. Hoje iremos explicar o que é o Google Search Console

O que é Google Search Console? 

O Google Search Console é uma ferramenta gratuita que visa ajudar a entender o desempenho do seu site. Ele pontua se o seu site está estruturado de acordo com as boas práticas de usabilidade do Google. E fornece diversos relatórios relacionados a: quais são as palavras-chave os usuários utilizaram no buscador para encontrar o seu site, quais são as páginas mais buscadas do site e ainda te permite saber se os usuários estão utilizando dispositivos móveis ou computadores para ter acesso à sua página.  

O que é Google Search Console?

O Google Search Console não só mostra o desempenho do site, mas também te guia para corrigir problemas e melhorar o destaque de suas páginas no mecanismo de busca do Google

Assim como o Google Trends é utilizado para saber quais são as principais pesquisas dos usuários. O Google Search Console, apresenta para você, através de relatórios de fácil entendimento quais foram as palavras-chave que indexaram no Google e deram relevância ao seu site.

O Google Search Console é totalmente necessário para diversos tipos de profissionais, como profissionais especializados em SEO, empresários, designers e profissionais de marketing, pois a maioria de suas funções envolvem o acompanhamento de tráfego, ajudando nas otimizações de páginas, controle de desempenho de sites, etc. Portanto, fica evidente que o Google Search Console é fundamental como instrumento no trabalho no marketing digital.  

Como funciona o Google Search Console? 

O Google Search Console (GSC) oferece diversas funcionalidades e é muito importante entendê-las para que o usuário obtenha cem por cento de aproveitamento dessa ferramenta. A seguir, ensinaremos como funciona o Google Search Console e mostraremos que não é nenhum bicho de sete cabeças.  

O primeiro tópico é a Aparência de Pesquisa ou Search Appearance, como já diz o nome, ele irá mostrar como o Google está vendo as suas páginas, como estão as estruturas de títulos, descrições, imagens, etc. Além de mostrar, o GSC irá te ajudar a melhorar o seu HTML e otimizar a aparência de seu site. Caso a ferramenta encontre algum erro nas estruturações, basta seguir as recomendações que o próprio GSC irá propor. 

Outra funcionalidade é o Tráfego de Pesquisa ou Search Traffic, que irá mostrar o que leva os usuários a clicarem ou não em seu site. Para melhor explicarmos, essa funcionalidade irá te fornecer diversas formas de identificar o seu tráfego orgânico e apresentará:  

  • As palavras-chave de seu site que apareceram nos buscadores. 
  • As páginas de link building que estão no site, possibilitando ver se elas estão te proporcionando uma melhor relevância. É possível saber também se outros sites te referenciam.   
  • Relatório de buscas que o site apareceu por país. Se o usuário acessou de um dispositivo móvel ou computador.  
  • Análise de data, permitindo a comparação de dados de alguma data específica.   

Vale ressaltar, que em todos esses relatórios do Google Search Console contém o número de cliques e impressões (número de visualizações).  

O terceiro tipo de funcionalidade é o Índice do Google ou Google Index, que de forma geral, irá te mostrar como as páginas estão indexadas e quais são as palavras-chave de mais relevância. A partir dessa funcionalidade, é possível saber se robôs bloquearam sua página ou se elas foram removidas.  

Dentro da funcionalidade Índice do Google há também relatórios apontando erros no rastreamento de páginas e, inclusive, direcionamentos de como proceder no caso da necessidade de correções. Outro ponto interessante é a possibilidade de simular como o Google indexa a sua página, para que seja possível certificar-se que o ambiente foi mapeado de maneira completa. 

Mais uma função do Google Search Console é a notificação de problemas de segurança encontrados em seu site. Essa funcionalidade será necessária caso a sua página tenha sido infectada com um malware, que nada mais é do que um software mal-intencionado que tem como objetivo causar danos ou roubar informações ao se infiltrar em um sistema de computador. Diante dessa situação, o GSC fornecerá todas as orientações necessárias para se livrar desse problema.  

De modo geral, essas são as principais funções do Google Search Console, no entanto, o GSC deve ser explorado e aproveitado da melhor forma possível pelos seus usuários. E se você já achou essa ferramenta de suma utilidade, saiba que tem como deixar ela ainda mais completa conectando o Google Search Console ao Google Analytics. 

Quer ficar antenado nas notícias e novidades de marketing, dados e Digital Analytics? Assine nossa newsletter mensal e aproveite este conteúdo exclusivo e gratuito 😉